Costurar com malhas (sem Corte e Cose)

Costurar com malhas é, sem dúvida, muito apelativo, principalmente quando costuramos para crianças. Mas pode também ser assustador, para quem pensa que precisa de uma máquina overlock (vulgo, Corte e Cose) para o fazer. Nada mais errado! Conhecendo bem o material que temos em mãos, e com as ferramentas adequadas, esta tarefa, aparentemente assustadora, pode tornar-se muito fácil e até divertida!

CosturarComMalhas-04

Antes de começar, devemos levar em consideração algumas dicas:

  • Testar sempre o ponto que vais usar num pedaço de malha, principalmente se for a primeira vez que costuras com este tipo de tecido (de preferência, na mesma malha que vais usar para o teu projecto). Pode ser necessário fazer alguns ajustes à tensão. Vai anotando as alterações que ocorrem. Tem em consideração a direcção da elasticidade da malha.
  • Não forces o tecido a “entrar” na máquina, nem puxes pelo lado oposto, para não deformar o ponto. Deixa essa tarefa para o pé calcador! ;D
  • Não deixes o tecido pendurado, pois vai esticá-lo. Mantém o espaço à volta da máquina livre, para o tecido estar sempre apoiado.
  • Se precisares de repetir a costura, usa o descosedor (o teu melhor amigo!) para retirar os pontos. Quando o fizeres, não forces o tecido para a linha partir, pois pode fazer buracos na malha. Depois de retirares as linhas cortadas, passa o tecido a ferro,  para “fechar” os espaços deixados pela agulha.
  • Utiliza uma linha de qualidade (como esta ou esta), 100% poliéster, pois as linhas de algodão são menos resistentes. Uma boa linha pode fazer toda a diferença!

Agulhas

A maior parte das máquinas vem equipada com agulhas universais. Para a generalidade dos tecidos, estas cumprem perfeitamente a tarefa. Também podem ser usadas em malhas, mas se queremos garantir o melhor resultado possível, o ideal é usar uma agulha indicada para este tipo de tecido.

CosturarComMalhas_01

As agulhas jersey têm uma ponta arredondada, chamada ballpoint. Esta ponta não danifica a malha, pois em vez de furar, passa entre os fios da trama.

Se a malha escolhida tiver uma percentagem considerável de elastano, é aconselhável usar agulhas stretch. Estas ajudam a evitar que a máquina salte os pontos, o que vulgarmente acontece quando costuramos com tecidos muito elásticos.

A agulha dupla é óptima para simular um acabamento profissional nas bainhas. O ideal é que também esta seja uma agulha própria para malhas; no entanto, é mais vulgar encontrar à venda a universal.

CosturarComMalhas-01

Esta agulha imita o ponto de uma máquina coverlock. Na frente do tecido, temos duas linhas paralelas, que impedem que a malha enrole e, na parte de trás, uma linha em zig-zag. É esta linha que confere elasticidade ao ponto.

Para que a malha fique mais estável, podes colocar entretela termo-colante na zona onde vais costurar com a agulha dupla.

Pé Calcador

O tipo de pé calcador pode fazer toda a diferença! O ideal será usar um walking foot ou quilting foot, conhecido como calcador de duplo arrasto. Este pé, com os seus  impelentes, permite que as duas camadas de tecido sejam puxadas ao mesmo tempo.

CosturarComMalhas_04

A pressão do pé calcador também pode, e deve, ser regulada. Se a pressão for muito elevada, pode ficar com um aspecto repuxado. Regula a pressão para um valor baixo (consulta o manual da tua máquina).

CosturarComMalhas-02

Tipos de Costura e Acabamentos

Para costurar com malhas, o fundamental é usar um ponto elástico. Algumas máquinas de costura simulam os pontos overlock. Estas vêm também equipadas com um pé calcador específico para este efeito (mais uma vez, consulta o manual da tua máquina).

CosturarComMalhas_07

Nota: Os pontos que mostro de seguida, podem não existir noutros modelos de máquina de costura. É fundamental consultar sempre o manual de instruções.

O ponto zig-zag será, provavelmente, o mais usado para costurar malhas. A sua elasticidade permite uma boa durabilidade das costuras. Convém regular o comprimento do ponto entre 1,5 – 2, para um melhor acabamento.

CosturarComMalhas_08

O ponto overlock forma a costura principal e o acabamento em simultâneo.

CosturarComMalhas_09

O ponto overlock elástico é o mais aconselhado para malhas, pela sua flexibilidade e resistência.

CosturarComMalhas-03

Como vês, é possível costurar com malhas sem uma Corte e Cose! Seguindo estes conselhos, vais com certeza ter sucesso! Mostra-nos as tuas costuras usando #cosemais. Se conheces outras técnicas, não hesites em contar-nos.

 

 

 

 

12 thoughts on “Costurar com malhas (sem Corte e Cose)

  1. Boa tarde!

    A avaliar pelos primeiros posts a vossa abordagem ao universo da costura parece-me fantástica!
    Só costuro muito esporadicamente e a partir de modelos bastante simples, mas creio que as vossas instruções permitirão a pessoas menos experientes (como eu) arriscar tarefas mais complexas. Parabéns pelo projecto!
    Obrigada 🙂

  2. Olá. Sou uma iniciada nestas andanças da costura. Tenho costurado para os meus filhos, essencialmente com malhas porque acho mais confortável. No entanto os acabamentos das costuras deixam sempre a desejar… Tenho andado a fazer umas pesquisas e encontrei uns calcadores corta e cose para máquinas domésticas. Têm opinião sobre a utilização destes calcadores (em malha e outros tecidos)? Obrigada 😉

    • Olá Joana! Não temos experiência com esse tipo de calcadores. Aconselhava a procurar vídeos tutoriais no YouTube em que mostrem como funciona. Talvez assim fique com alguma noção da sua eficácia.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *